Devagar, devagarinho…

Acho que sou uma slow blogging desde criancinha – ok, ok, sou slow anything, então, não tenho valor pra estatística. Explico: Segundo o New York Times há um movimento de se ‘pegar leve’ com o blog, postando menos e de forma mais consistente – textos longos e contemplativos. Eles citam o exemplo dessa moça que atualiza umas duas vezes por semana e passa o tempo no blog falando das lindas paisagens e conversando com as pequenezas da natureza. Segundo a matéria, é toda uma onda zen dos blogs inspirados na slow food.

Eu não gosto de regras nem de categorias, pois levam a generalizações desnecessárias. Acho blog meio ‘livro’, o autor sempre dá o tom, e ele pode ser muito bom ou muito ruim, independente da freqüência na postagem ou da quantidade de texto. Então, viva a diferença. Mas, concordo com uma parte da reportagem em que uma estudante de cultura popular e tecnologia fala que houve, recentemente, um decréscimo nas postagens, pois muitas pessoas que usavam o blog para divulgar textos curtos, links de vídeos e fotos migraram para outros fóruns, como o flickr, o twitter ou o facebook. Creio que todos concordam que todas as formas de comunicação são válidas e devem ser exploradas, cada um tomando partido daquela que favorece sua produção. Quanto à minha lentidão, não há muito que fazer sobre. So, lets slow! Hehehe.

Créditos: Achei a indicação no Novo em folha, cujo feed assino muito em função de minha amiga Renatinha. De lá roubei as dicas abaixo, lembrando que a folha também traduziu, mas, daí, só para assinantes.

 

Anúncios

4 Comentários

  1. Olha, eu sou adepta do contrário. Posts curtos e diários. Mas cada um sabe do seu blog. Eu não sei escrever nada muito longo, de qualquer forma. Mas acho que espelha bem o meu jeito: sempre apressadinha. Rs.
    Mas interessante a idéia. Talvez todo mundo precise desacelerar mesmo. O mundo, como um todo.
    Beijão, linda.

  2. Tb acho o blog meio livro, cada um tem um estilo, e cada um posta com quer e ponto. Para mim não existem regras, e como o Nemo me disse há anos: quer blog terá leitores.
    As pessoas se acha aqui.
    E vc está menos devagar 🙂
    bjs laura

  3. Eu mesma fiquei uns dois meses sem postar no meu blog, mas depois deu um trabalhão para atualizar e lembrar de tudo! Cada caso é um caso. Depende da necessidade, em todos os sentidos. Beijo, flor!

  4. C., eu adoro ler os posts diários, não escrevo mais pq não dou conta. Mas esse periodo de folga do trabalho tem me deixado mais liberdade para postar.
    L., tenho mais amigos que leitores, as pessoas vem aqui muito mais por carinho e tal. Isto faz dos meus visitantes muito especiais.
    R., os dois meses valeram a pena. Vc foi passear e voltou pra encher o blog de gostosuras, adoooro. 😛


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s