Às vezes penso que chutar cachorro morto é o esporte preferido de alguns. Para quê algumas atitudes? Que tipo de prazer proporcionam? Será que ver alguém mal, em alguma medida, gratifica? Eu não entendo isso. Acho estranho que as pessoas se aproximem de você, fofas e cordiais, queridíssimas e cheias de sorrisos, e das duas ou três frases que trocam contigo uma é ” você sabia que (insira aqui uma fofoca que te deprecia de algum modo)”. Sorte sua que você já sabia. E a tal noticia bomba não te aflige. Mas, daí, vem à sua mente uns dois ou três episódios envolvendo essa tal pessoa, que te entregou informações pesadas sobre a sua vida, quando, naquela época, você não sabia de nada. E a fofoca introduzida era algo bem mais grave e doloroso. E aí, dói, novamente, porque cai a ficha dos motivos que te levaram a manter certa distância e não confiar completamente nela. Por mais encantadora que aparente, nas outras duas frases em que não diz nada que possa, remotamente, soar devastador. E você lembra que este seria um momento para as pessoas amigas se mostrarem mais amigas. Mas também para as que não são revelarem-se, como são. E daí, lágrimas por ser tão bestalhona e porque, no fundo, há muitas coisas que não, não precisamos mesmo saber.

Imagem daqui.

Anúncios

1 Comentário

  1. Putz, que maldade, minha querida.
    Mas pense que vc é bem melhor que esta gente que faz estas coisas.
    Bjs Laura


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s